Voltar

Aprender inglês na escola é possível?

13 novembro 2017 | Dicas

Confira 3 dicas para promover o aprendizado efetivo do idioma em sua escola

Aprender inglês na escola é possível? Seja para conseguir uma boa oportunidade no mercado de trabalho, estudar fora do país ou simplesmente viajar e conhecer novos lugares e culturas, saber um segundo idioma se tornou indispensável – e a Língua Inglesa, uma das mais faladas no mundo, ganhou ainda mais importância nesse contexto. Impactada por essa realidade, a educação também mudou e é cada vez mais importante que as escolas se reestruturem para promover o aprendizado efetivo da língua por seus estudantes.

“Os alunos passam dez anos estudando inglês na escola e não aprendem o suficiente para se comunicar”, alerta o diretor editorial do Sistema Positivo de Ensino, Joseph Razouk Jr. Segundo ele, uma das principais causas para tanto são os diferentes níveis de conhecimento do idioma entre os estudantes de uma mesma turma. “Isso acontece porque alguns alunos podem ter experiências internacionais, frequentam cursos de idioma a parte ou o inglês é falado em casa pelos pais. Enquanto outros não têm nada disso e estão na mesma sala”, explica.

Então, como reverter a situação?

 Organize as turmas por nível de conhecimento

O desnivelamento entre os alunos é um desmotivador para o aprendizado, tanto dos iniciantes quanto daqueles que já têm uma afinidade maior com a língua. Por isso, o primeiro passo para promover o ensino do inglês na escola é organizar turmas pelo nível de conhecimento dos estudantes, independente de idade ou série.

Invista na preparação e avaliação dos professores 

Sem um bom professor, é quase impossível aprender uma nova língua. Por isso, a qualidade do corpo docente responsável pelo ensino do inglês na escola deve ser uma prioridade. Profissionais bem preparados, que passam por treinamentos e avaliações constantes, com certeza, têm mais chance de desempenhar melhor o seu papel e tornar a aprendizagem do idioma prazerosa para os estudantes.

Utilize material didático internacional

Contar com um material didático atualizado e elaborado por professores que são falantes nativos de inglês é um diferencial e tanto. Isso porque a experiência diária que esses profissionais têm com o idioma os ajuda a identificar quais são as áreas mais importantes a serem trabalhadas com quem não é nativo. Quando o material já traz isso, as chances dos alunos aprenderem o que realmente precisam para se comunicar bem aumentam e eles se preparam para vivenciar situações reais.

 

Se quiser ler outros conteúdos como esse, continue aqui em nosso Blog. Você também pode ficar por dentro de todas as novidades do Positivo em nossas páginas no Facebook e no Instagram.

Para levar o Sistema Positivo de Ensino para a sua escola, clique aqui e fale com um dos nossos consultores.